Grêmio tenta superar excesso de lesões em momento decisivo da temporada

 
Grêmio tenta superar excesso de lesões em momento decisivo da temporada | Foto: Lucas Uebel / Grêmio / Flickr / Divulgação / CP
O Grêmio entra no momento mais decisivo da temporada, em busca de dois títulos importantes, com o foco fora do campo. Na hora em que mais precisa do seu grupo do jogadores, Renato Portaluppi convive com o departamento médico cheio. Tanto que ontem o Grêmio não apenas contrariou sua política recente de não fornecer boletins médicos com regularidade como escalou o médico Márcio Dornelles para dar entrevista coletiva no lugar de algum jogador.

Cinco titulares estão com pouca ou nenhuma chance de enfrentar o Palmeiras, domingo, no Allianz Parque, pelo Brasileirão, além do zagueiro Kannemann, cedido à seleção argentina: os laterais Leo Moura e Bruno Cortez, o meia Ramiro, o goleiro Marcelo Grohe e o atacante Everton. Dornelles falou sobre cada um. E defendeu que as contusões são naturais do esporte, citando as duas ocorridas no jogo do último sábado, contra o Bahia.

“São lesões próprias do futebol, que é um esporte que tem contato, frenagem, potência muscular... Acontece. O Marcelo Grohe foi uma infelicidade biomecânica, ao bater mal o tiro de meta, e o Everton, por ser um jogador de muita explosão, na hora da arrancada”, explicou o médico.

Leo Moura, que não atuou contra o Bahia, está se recuperando de um desconforto na panturrilha esquerda e deve voltar a trabalhar no campo ainda durante esta semana, abrindo a possibilidade de ser opção no domingo. Ontem ele treinou na academia junto com os demais titulares, que se reapresentaram depois de dois dias de folga. Com uma pancada no tornozelo esquerdo, Cortez também não enfrentou o Bahia. As imagens não mostraram lesão ligamentar e ele tem alguma chance de retornar.

As situações dos outros três são mais delicadas. Ramiro, que se lesionou no treino da véspera do jogo contra o Tucumán (estiramento do ligamento colateral lateral do joelho direito), ainda não tem previsão de retorno. Assim como Marcelo Grohe, que sentiu um desconforto no adutor da coxa direita diagnosticado como lesão de grau 1, e Everton, que teve uma contusão de grau 2 no bíceps femoral da coxa direita. O atacante será dúvida até a véspera do jogo contra o River Plate, dia 23. “Confio em todo o departamento, estamos fazendo de tudo”, disse Dornelles. No momento, o mais provável é que ele retorne apenas no jogo de volta contra o River, dia 30. Para enfrentar o Palmeiras, o time deverá ter Paulo Victor; Leonardo, Geromel, Bressan e Juninho; Maicon, Cícero, Thaciano (Thonny), Alisson, Luan; Jael.

Correio do Povo
Grêmio tenta superar excesso de lesões em momento decisivo da temporada Grêmio tenta superar excesso de lesões em momento decisivo da temporada Reviewed by In Foco RS on quarta-feira, outubro 10, 2018 Rating: 5