Vento forte e chuva causam estragos no Rio Grande do Sul

       
Vento em Uruguaiana passou dos 100km/h, conforme medição no aeroporto da cidade (Foto: Defesa Civil/Divulgação)
Uma frente fria que ingressa no Rio Grande do Sul chegou trazendo temporal e fortes rajadas de vento em várias cidades na manhã deste domingo. Em Santa Maria, na região Central, do Estado,a Base Aérea registrou rajadas entre 70 e 80 km/h e os bombeiros já receberam diversas chamadas de casas destelhadas, especialmente na região oeste do município. Na área central, placas de publicidade foram destruídas e alguns semáforos foram danificados.

De acordo com informações da MetSul Meteorologia, em Uruguaiana, na Fronteira Oeste, as rajadas chegaram a 104km/h. Outros municípios também têm marcas altas: Dom Pedrito com 86km/h, Santana Livramento com 83km/h e São Gabriel com 82km/h.
Equipes da Defesa Civil e dos Bombeiros atuam em área onde poste caiu e atingiu uma casa em Uruguaiana (Foto: Defesa Civil/Divulgação)

Ao longo da tarde, a chuva avança para as demais regiões do Estado. O CEIC-Metroclima alerta que a frente fria deve atingir Porto Alegre com chuva e risco de temporal nas próximas horas, não descartando a possibilidade de vendaval. 

Na Argentina, onde tempestades são registradas desde o sábado, duas pessoas morreram, conforme informa a imprensa do país. Um médico do Hospital Nossa Senhora de Luján revelou ao canal de notícias C5N que vítimas são dois homens, com idades de 37 e 65 anos, que foram atingidos por árvores que caíram em Luján, na província de Buenos Aires.

A região registrou granizo, fortes rajadas de ventos e inundações nas últimas horas e segue em alerta neste domingo. Em razão do temporal, voos para Rosario, Córdoba e Buenos Aires tiveram que mudar a rota e pousar no Aeroporto Salgado Filho, em Porto Alegre, nesta manhã. O mesmo ocorreu com voos para Montevidéu.

Correio do Povo
Vento forte e chuva causam estragos no Rio Grande do Sul Vento forte e chuva causam estragos no Rio Grande do Sul Reviewed by In Foco RS on domingo, dezembro 17, 2017 Rating: 5