Petistas apresentam condições a Eduardo Leite para votar a favor do aumento do ICMS

 
Petistas apresentam condições para votar a favor do aumento do ICMS | Foto: Assembleia Legislativa / Divulgação / CP
A bancada do PT na Assembleia Legislativa, a maior da legislatura que está chegando ao fim, com 11 deputados, apresentou ao governador eleito, Eduardo Leite (PSDB), as condicionantes para votar a favor do projeto que prorroga a majoração das alíquotas de Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS) no Rio Grande do Sul. A reunião entre os parlamentares e Leite aconteceu entre 10h e 11h, na bancada do PT. A garantia dos votos do PT, caso ocorra, praticamente assegura a aprovação do projeto.

Os articuladores tucanos precisam garantir 28 votos para quórum em plenário. Ao todo, são 55 parlamentares no Legislativo gaúcho. A base aliada de Leite na atual legislatura é de 19 parlamentares, mas ele tem dissidências internas sobre o projeto. A aprovação é por maioria simples. Em 2015, o projeto do Executivo para aumento das alíquotas foi aprovado por 27 votos a 26. O texto deve ir a votação em 18 de dezembro.

O encontro entre os petistas e o tucano ocorre no momento em que o futuro secretário da Fazenda, Marco Aurélio Santos Cardoso, está em Porto Alegre para participar das ações e levantamentos da equipe de transição de Leite. Cardoso desembarcou nessa segunda-feira no Estado e esta é sua primeira semana de atuação direta em solo gaúcho desde que seu nome foi anunciado pelo novo governador, no final de novembro.

CP
Petistas apresentam condições a Eduardo Leite para votar a favor do aumento do ICMS Petistas apresentam condições a Eduardo Leite para votar a favor do aumento do ICMS Reviewed by In Foco RS on terça-feira, dezembro 04, 2018 Rating: 5