MP denuncia dentista suspeito da morte de gerente de banco de Anta Gorda

 

O Ministério Público do Rio Grande do Sul denunciou, nesta quinta-feira (11), o dentista Carlos Alberto Weber Pattusi por homicídio triplamente qualificado e ocultação de cadáver. Ele é suspeito da morte do gerente bancário Jacir Potrich, de 55 anos, que desapareceu depois de uma pescaria em um açude, em Anta Gorda, no Vale do Taquari, interior do Rio Grande do Sul, em novembro do ano passado.

Patussi, que era amigo pessoal e vizinho da vítima, chegou a ser preso, em janeiro, mas foi solto uma semana depois.

Embora o inquérito ainda não esteja concluído, para o promotor André Prediger, a investigação apontou que Potrich teria sido asfixiado por Carlos. O crime teria ocorrido em menos de um minuto, segundo o MP. Foi pedida a prisão preventiva do suspeito.

A denúncia traz vários indícios de que o dentista teria cometido o crime, mesmo que o corpo ainda não tenha sido encontrado, de acordo com o promotor.

As investigações para localizar Jacir seguem. A hipótese até o momento é de que Carlos tenha usado ácidos para desaparecer com os restos da vítima.

G1
MP denuncia dentista suspeito da morte de gerente de banco de Anta Gorda MP denuncia dentista suspeito da morte de gerente de banco de Anta Gorda Reviewed by In Foco RS on quinta-feira, abril 11, 2019 Rating: 5