Demissões na Ulbra atingem cerca de 200 professores

 

Uma estimativa realizada pelo Sindicato dos Professores do Ensino Privado do Rio Grande do Sul (Sinpro/RS) aponta que 200 docentes devem ser demitidos pela Universidade Luterana do Brasil (Ulbra). De acordo com o Sinpro, na próxima segunda-feira (14), a direção do Sindicato terá reunião com a mantenedora da instituição para esclarecimentos e discussão sobre as demissões e a garantia do pagamento das verbas rescisórias e do FGTS.

“O elevado número de demissões preocupa o Sindicato, assim como o efetivo pagamento das verbas rescisórias, pois a instituição tem atrasado muito a integralização deste direito”, disse Marcos Fuhr, diretor do Sinpro/RS.

Ainda conforme o sindicato, além dos atrasos salariais dos trabalhadores, a Ulbra não tem recolhido regularmente o Fundo de Garantia dos empregados. “Este processo é um novo desdobramento da profunda crise pela qual a universidade passa ao longo dos últimos 10 anos”, explicou Fuhr.

A Ulbra divulgou nota afirmando que a demissão dos professores tem o objetivo de “reduzir os impactos causados pela crise que atinge o setor de Ensino Superior nos últimos anos”. A Ulbra informou, ainda, que “a rotina acadêmica segue normalmente e reforça o compromisso com a qualidade de ensino aos seus mais de 35 mil alunos no Rio Grande do Sul”.

Segundo o Sinpro, a Ulbra tem mais de 1,6 mil professores, sendo 1.332 no Ensino Superior e 287 na educação básica.

As demissões na instituição começaram na semana passada. De acordo com sindicatos de trabalhadores administrativos na área da educação, cerca de 300 docentes foram desligados da universidade.

Leia a nota na íntegra:


“A AELBRA (Associação Educacional Luterana do Brasil), mantenedora da Ulbra, comunica que realizou nesta quinta-feira (10) um ajuste em seu quadro de professores. A medida tem o objetivo de reduzir os impactos causados pela crise que atinge o setor de Ensino Superior nos últimos anos. 

A Instituição afirma que a rotina acadêmica segue normalmente e reforça o compromisso com a qualidade de ensino aos seus mais de 35 mil alunos no Rio Grande do Sul.”

*Informações Carlos Machado/Rádio Guaíba
Demissões na Ulbra atingem cerca de 200 professores Demissões na Ulbra atingem cerca de 200 professores Reviewed by In Foco RS on sexta-feira, janeiro 11, 2019 Rating: 5