Corrente do PSB pede saída do partido da coligação de Sartori após MDB manifestar apoio a Bolsonaro

 

Uma corrente do Partido Socialista Brasileiro (PSB-RS) pedirá, nesta terça-feira, à direção estadual a imediata retirada da legenda da coligação eleitoral que apoia a candidatura de José Ivo Sartori (MDB) ao governo do Estado. O pedido é porque o MDB gaúcho manifestou apoio à campanha de Jair Bolsonaro (PSL) à Presidência da República.

Em nota, a corrente "Levanta, Rio Grande!" ressaltou que espera uma reação imediata dos dirigentes estaduais do PSB retirando-se publicamente da coligação eleitoral. "(A saída da coligação) será o derradeiro sinal de que a dignidade, a civilidade cidadã e a honra partidária resistem em meio à crise que sacrifica nosso estado e nosso país"

De acordo com a corrente, o PSB-RS está impedido de permanecer na coligação governista, não só por defender ideais antagônicos aos de Bolsonaro, mas por uma determinação nacional do partido. O documento ressalta que, em 5 de agosto deste ano, o Congresso Nacional da legenda decidiu, "de maneira clara e formal, pela interdição de qualquer forma de apoio" à candidatura de Jair Bolsonaro. "Não há meios termos porque a rejeição a fascismos não comporta meios termos! A expulsão de filiados do partido que declararam apoio a esse candidato é prova disto!", destaca o documento.

Correio do Povo

Corrente do PSB pede saída do partido da coligação de Sartori após MDB manifestar apoio a Bolsonaro Corrente do PSB pede saída do partido da coligação de Sartori após MDB manifestar apoio a Bolsonaro Reviewed by In Foco RS on terça-feira, outubro 09, 2018 Rating: 5