Nota Fiscal Gaúcha auxilia associação de idosos com deficiência visual

Uma das entidades é a Associação de Cegos Louis Braille, que recebeu R$ 85,7 mil em repasses da NFG, entre os anos de 2015 e 2016 - Foto: Divulgação Sefaz
O programa Nota Fiscal Gaúcha (NFG) beneficia cerca de 2,8 mil entidades que atuam nas áreas da Saúde, Educação e Assistência Social. Uma delas é a Associação de Cegos Louis Braille (ACELB), de Porto Alegre, que recebeu R$ 85,7 mil em repasses da NFG, entre os anos de 2015 e 2016. Os valores possibilitaram melhorias na infraestrutura da instituição, que atende 55 pessoas atualmente.

Em atividade há 44 anos, a Associação Louis Braille conta com 33 funcionários. A equipe é integrada por médicos, enfermeiros, terapeutas, nutricionistas, assistente social, terapeuta ocupacional, educadora física e psicólogo.
De acordo com o presidente da ACELB, Emir Roberto da Silva, projetos que auxiliam a instituição são sempre bem-vindos. "Nossa casa está sempre de portas abertas para amigos, voluntários e qualquer ajuda que nos permita continuar fazendo desta casa um lugar de muito amor, carinho e respeito às pessoas que muito têm a nos ensinar, nossos vovôs", conta. O presidente da entidadae ainda ressalta a importância das indicações dos participantes da NFG. "São elas que nos permitem prestar esse atendimento tão especial e de qualidade", reconhece.

Com o recurso recebido, a associação conseguiu construir um depósito para armazenar materiais permanentes, pintou áreas internas, colocou prateleiras para a despensa, trocou pisos e rodapés em dezesseis quartos, trocou portas, e todas as janelas de latão por alumínio com tela e comprou um buffet e material para a confecção de fraldas.

Mais prêmios, mais solidariedade


Para estimular a adesão das pessoas e, ao mesmo tempo, permitir que um número maior de entidades possa receber o apoio com verbas estaduais, o governador José Ivo Sartori anunciou no início deste ano as novidades que a NFG terá ao longo de 2017. Desde janeiro, a premiação mensal passou de R$ 278 mil para R$ 865 mil (um prêmio principal de R$ 300 mil, três de R$ 5 mil cada, 300 de R$ 1 mil e outros 500 de R$ 500,00). Agora serão dois prêmios especiais de R$ 1 milhão cada, o primeiro já está programado para o mês de setembro, durante a Semana Farroupilha. Já são mais de R$ 37 milhões em premiação da NFG, contemplando 90 mil cidadãos.

A outra novidade é o aumento de dinheiro disponível para as entidades cadastradas (atualmente são mais de 2,8 mil instituições). Serão R$ 15 milhões divididos, igualmente, para as três áreas de atuação das entidades. Nos últimos dois anos, o montante disponível foi de R$ 8 milhões por exercício. Desde sua criação, o programa já creditou mais de R$ 61 milhões para as instituições sociais.

Além de mais recursos, as mudanças permitem que mais organizações possam ser contempladas, conforme a pontuação alcançada, em cada trimestre, a partir da indicação dos contribuintes. No segmento da Saúde, onde a média é de 97 entidades nos últimos dois anos, haverá um salto para 224 instituições, desde prefeituras, hospitais e variados centros de recuperação. Das 617 entidades da área da Educação beneficiadas com recursos da NFG até o ano passado, agora serão 1.250, enquanto o incremento no segmento do Desenvolvimento Social será de 352 para 600 entidades.

O programa gera pontos que são acumulados sempre que o consumidor solicitar a inclusão do seu CPF no documento fiscal. O pedido deve ser feito no momento da compra em estabelecimentos participantes. Além de concorrer a prêmios em dinheiro a cada mês e auxiliar entidades, a NFG gera ainda descontos de 2% a 5% no IPVA.  Para se cadastrar, é simples: basta acessar o site.

Pepo Kerschner/Ascom Sefaz
Nota Fiscal Gaúcha auxilia associação de idosos com deficiência visual Nota Fiscal Gaúcha auxilia associação de idosos com deficiência visual Reviewed by In Foco RS on segunda-feira, julho 10, 2017 Rating: 5