Contra o terrorismo, Brasil defende ação integrada de inteligência

Foto: Beto Barata/PR)
O presidente da República, Michel Temer, defendeu uma maior integração e cooperação entre as agências de inteligência dos países do G20 como forma de combate ao terrorismo. Na visão de Temer, a troca de informações é determinante para encontrar uma solução para o tema.

Em entrevista à imprensa na noite desta sexta-feira (7) na Alemanha, Temer relatou como foram os encontros com os líderes dos outros países do bloco e detalhou as ponderações que fez na sessão plenária sobre terrorismo.

“Eu falei da tentativa de fazer com que as agências centrais de inteligência pudessem se concentrar para trocar informações no combate ao terrorismo”, relatou. “O terrorismo é coletivo, organizado, mas há uma espécie de terrorismo, hoje, que é individual e que deve preocupar a todos”, argumentou.

Temer explicou ainda que, além do debate sobre terrorismo, participou de um encontro com os líderes do Brics – grupo formado por Brasil, Rússia, Índia, China e África do Sul. Na reunião, foram debatidos temas referentes ao banco de desenvolvimento do grupo.

Meio ambiente e negócios

Além desse evento, ele participou de plenárias sobre meio ambiente e negócios no G20. Na sessão econômica, o presidente relatou aos demais líderes sobre a recuperação econômica brasileira e citou a queda da inflação, a volta do emprego e venda de veículos como elementos dessa retomada.

Portal Planalto
Contra o terrorismo, Brasil defende ação integrada de inteligência Contra o terrorismo, Brasil defende ação integrada de inteligência Reviewed by In Foco RS on sexta-feira, julho 07, 2017 Rating: 5