Arsenal resulta em condenação de Maurício Dal Agnol


A Juíza da 3ª Vara Criminal da comarca de Passo Fundo, Ana Cristina Frighetto Crossi, condenou o advogado Maurício Dal Agnol a uma pena de 8 anos de reclusão por crimes de receptação, porte ilegal de arma de fogo e munições de uso restrito. A sentença foi proferida no dia 30 de maio deste ano.

O Ministério Público ofereceu denúncia contra Dal Agnol e foi recebida pelo Poder Judiciário no dia 22 de setembro de 2014, referente a localização de armas e munições durante a Operação Carmelina.

No dia da operação foram apreendidas diversas munições e um revólver na residência do acusado. Na sequência foi descoberto um prédio utilizado pelo investigado no bairro Lucas Araújo, onde os policiais federais apreenderam quatro espingardas calibre 12, sendo duas semiautomáticas, dois fuzis de uso restrito das Forças Armadas, e duas carabinas com silenciadores. Além das armas, foram localizadas caixas e sacolas contendo munições de diversos calibres.

A magistrada alegou na condenação que o Maurício Dal Agnol é perfeitamente capaz de entender o caráter ilícito dos seus atos. Porém, não possuía antecedentes e sua conduta social foi abonada por testemunhas durante o processo, principalmente policiais do alto escalão da Brigada Militar, Procurador do Estado, Políticos, Empresários, entre outros.

Diante das provas, a juíza condenou Maurício Dal Agnol a 8 anos de reclusão, além de multa. Ele deverá cumprir a pena em regime inicial semiaberto, mas a juíza Ana Cristina Frighetto Crossi concedeu o direito do réu apelar em liberdade.

A ação da quadrilha de Maurício Dal Agnol foi desbaratada pela Polícia Federal de Passo Fundo, numa operação desencadeada no dia 21 de fevereiro de 2014. Centenas de ações criminais e civis estão tramitando na comarca de Passo Fundo e em outros municípios.

Rádio Uirapuru



Arsenal resulta em condenação de Maurício Dal Agnol Arsenal resulta em condenação de Maurício Dal Agnol Reviewed by In Foco RS on sexta-feira, junho 16, 2017 Rating: 5